quarta-feira, 29 de maio de 2013

Sessão Pipoca: Primeiro da Classe

Boa quarta-feira pra vocês! :)

Primeiramente, preciso assistir mais filmes, pra fazer a alegria de vocês!! hahha... Mas paciência, a gente vai dando um jeito!
Eu ia postar sobre esse filme no sábado como post extra, mas hoje ficaria sem post de novo, então é melhor não! :)
O filme de hoje se chama Primeiro da Classe (ou "Front of the Class", em título original). - Infelizmente eu não encontrei nada sobre o filme no site Adoro Cinema (que eu costumo consultar e é o site que fala de filmes mais completo que já vi. Só falta ter a opção de download), em outros sites, tem informações como diretor e atores, mas não tem o nome dos personagens. ¬¬ ÓÓÓTIMOO! #sqn!


Então apelei pra Wikipedia! hahaha... O filme é de 2008 e é baseado na história verdadeira de Brand Cohen (interpretado por James Wolk), que tem síndrome de Tourette, desde os 6 anos de idade. Para mim, o único ator mais conhecido do filme é Treat Williams, que interpreta Norman Cohen, o pai de Brand. Mesmo com esse fator, o filme não perde seu encanto. Se quiserem ver o artigo da Wikipedia, é só clicar nesse LINK, que vai abrir outra aba e te mandar pro artigo! ;)
Bom, a intenção é mostrar as barreiras que Brand enfrentou na vida, a primeira delas é com o pai, que achava que ele fazia de propósito e se irritava. Apesar dos "quacks" e latidos, (barulhos estranhos que Brand fazia por causa dessa síndrome), ele ia a escola, tinha uma vida "normal", na medida do possível. Ele vivia indo para a sala da diretoria, pois ninguém sabia o que estava acontecendo e achavam que era graça da parte dele. E se ele ficava nervoso, a crise piorava!
O filme é engraçado, emocionante e comovente. Tenta mostrar dois lados de uma moeda, chamada Tourette: 1) As pessoas que deixaram a ela vencer (tinham aulas particulares em casa, etc) e 2) o caso de Brand, que quis ser professor e lutou por isso, mesmo com o preconceito das outras pessoas, mesmo sem o "efetivo" talvez não seja a melhor palavra aqui apoio do pai. O importante é que ele mostrou para quem não acreditava nele que ele não só podia, como fez o que queria e para quem acreditou nele, não teve razões para se decepcionar! 
Achei o filme simplesmente lindo, uma lição de perseverança! Apesar de ser "antiguinho", acho que o filme seja atemporal! Vale muito a pena ver esse drama! :)


Beijinhos! ;)
Boa quarta! ^^
Seu Blog · Design por Alves Alvin · Todos os direitos reservados - Copyright © 2014 · Tecnologia do Blogger