quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Resenha: A Culpa é das Estrelas

"Hazel Grace é uma paciente terminal. Ainda que por um milagre da medicina, seu tumor tenha encolhido bastante - o que lhe dá a promessa de viver mais alguns anos -, o último capítulo de sua história foi escrito no momento do diagnóstico. Mas em todo bom enredo há uma reviravolta, e a de Hazel se chama Augustus Waters, um garoto bonito que certo dia aparece no Grupo de Apoio a Crianças com Câncer. Juntos, os dois vão preencher o pequeno infinito das páginas em branco de suas vidas."

Este livro, de John Green, ilustra bem aquele trecho de música: "Cada um sabe a dor e a delícia de ser o que é". A "dor" é figurativizada pelo câncer, a "delícia" é o amor.
Um livro encantador; a vontade de ler permanece da primeira a última página, te faz querer mais (concordando com Markus Zusak).
Leitura nada complexa, mas muito profunda, emotiva e delicada, até. Captada por quem (con)viveu com o câncer.
Se a intenção de John era nos comover, ele conseguiu. Pois além do câncer, Hazel, tem apenas 16 anos e Augustos 17... Dá pra dizer que é uma idade tenra para estar doente.
Porém, juntos eles vivem um lindo e verdadeiro romance, que talvez não fosse possível (ou não teria acontecido) caso eles estivessem saudáveis.


Este livro é delicado, lindo, interessante.
Com certeza vale a pena ter na biblioteca pessoal.
Uma história que fala de jovens, mas que também encanta adultos e crianças.

Simplesmente adorei esse livro!
Espero que todos tenham a oportunidade de ler.
Grande beijo para todos! ;)
Seu Blog · Design por Alves Alvin · Todos os direitos reservados - Copyright © 2014 · Tecnologia do Blogger