domingo, 30 de setembro de 2012

Resenha: Soul Love: A Noite o Céu é Perfeito

Mais um livro que me emocionou ao ler, entrei dentro da estória! Preciso confessar que estou adorando isso!



O livro foi escrito por Lynda Waterhouse e conta a história de Jenna Hudson, uma garota de 15 anos, que é expulsa de casa e da escola, por ter feito algo muito sério juntamente com Mia (sua melhor amiga) e Jackson (o cara por quem é apaixonada), porém ela não os entrega e com isso, ganha um tempo na casa da tia Sarah, em Netherby, uma cidade no interior da Inglaterra, longe de Londres (onde Jenna vivia). 

Bem no prólogo tem a seguinte frase: "A lembrança dói. Meu cérebro tenta descobrir onde fica exatamente a dor, mas logo desiste, porque tudo dói. Estou cansada de viver como se já fosse uma pessoa adulta e madura. Gostaria de voltar a ser criança – uma garotinha de seis anos que caiu da bicicleta. Gostaria de fazer cara de choro e correr aos berros para a cozinha, onde minha mãe me ergueria do chão, me daria um forte abraço e beijaria meu joelho esfolado. Eu pararia de chorar e tomaria leite com chocolate para a dor passar. Essa é uma das coisas que as pessoas não nos ensinam quando falam de crescer: como lidar com as dores que não passam com um beijo.", em resumo, no começo do livro ela está naquela fase que a maioria das pessoas vive que odeia os pais, comete atos de rebeldia e não se importam com nada. Porém crescer traz dores e essas não são curadas como os joelhos esfolados, mesmo que ela (ou que todos nós) quisesse(mos). 

Acostumada com a vida em Londres, onde ninguém se intromete na vida alheia, ela se vê obrigada a se adaptar a cidadezinha, onde todos sabem cada passo que você dá e perguntam aonde vai? Com quem vai? E a que horas volta?

Sua tia passa por uma crise amorosa e ela se vê obrigada a ajudar no sebo dela, além de ter que fazer compras e a comida (coisas que nunca tinha pensado em fazer). 
É em Nertheby que Jenna conhece Charlie e Freddie, dois irmãos que além de serem seus vizinhos da frente, se tornam seus amigos e também tem uma banda anti-folk (bandas pop), juntamente com Gabe, que é o baterista e mostra para ela quem são seus verdadeiros amigos (pessoas que se importam de verdade com ela), que seus erros podem ser reparados e que o amor verdadeiro não tem idade para acontecer. 


Uma ótima lição de vida. 
Um livro que vale a pena ler e reler. ;)
Seu Blog · Design por Alves Alvin · Todos os direitos reservados - Copyright © 2014 · Tecnologia do Blogger